fbpx

5 passos para aprender a programar

3 minutos para ler

Aprender a programar não é tão difícil quanto pode parecer, e essa profissão tem crescido muito nos últimos anos, apresentando uma série de benefícios para quem escolhe segui-la, desde bons salários até chance de galgar bons cargos.

No entanto, mesmo que tenhamos muita coisa sobre o tema na internet hoje, algumas pessoas simplesmente não sabem por onde começar, afinal, o excesso de informações também pode prejudicar um pouco.

Pensando nisso, resolvemos criar um post simples e direto para ajudar você a entender o que é preciso para aprender a programar em alguns pequenos passos. Boa leitura!

1. Entenda o que é lógica de programação

Muitas pessoas, quando buscam aprender a programar, querem logo focar direto na programação em si, mas é preciso primeiro construir uma boa noção de lógica, utilizando-se para isso da prática de algoritmos.

Por mais que não ouçamos muito acerca desse termo, os algoritmos são a forma como aplicar passos para a resolução de problemas, sendo uma das principais habilidades de um programador.

Então, antes mesmo de partir para as linguagens, estude lógica de programação.

2. Escolha uma linguagem

A lógica para a resolução de problemas é muito parecida, mas existe uma grande variedade de linguagens de programação e cada uma delas é melhor para aplicação em determinadas situações.

É interessante conhecer mais de uma linguagem, mas para se tornar um bom programador é preciso se especializar em alguma delas. Apenas dessa forma você conhecerá todas as ferramentas que poderão auxiliar você a resolver problemas de forma eficaz.

Uma boa ideia é entender quais as linguagens que estão em alta no mercado e focar em uma delas. Quando não temos nenhuma certeza, escolher alguma linguagem menos verbosa e de sintaxe simplificada é sempre uma opção.

3. Não pule etapas

A base é fundamental quando falamos em aprender a programar. Por conta disso, para que você possa realmente se tornar um bom programador, é muito importante que você não pule etapas.

Existem muito tutoriais de programação na internet e, fazendo alguns deles, você pode se sentir confiante para iniciar um projeto, no entanto, apenas fazendo muitos exercícios estará realmente apto a criar seus próprios sistemas.

4. Defina uma área de atuação

Quando falamos em programação, temos um leque de atuação muito grande. Estamos falando em programadores front-end, back-end, full-stack, mobile e várias outras possibilidades de carreira.

Por conta disso, no início de sua caminhada na programação, é interessante definir um caminho a seguir, pois, a cada jornada utiliza tecnologias diferentes.

5. Foque em teoria e prática

Alguns programadores poderão falar para você que a teoria é muito importante, já outros, dirão para você focar apenas na prática. No fundo, ambos os pontos demandam muita atenção de um programador que quer ir além em sua carreira. A ideia é estudar e pôr a mão na massa.

Você pode estudar a teoria em cursos, apostilas, livros e vídeos, e praticar sua lógica de programação em sites de desafios, como o HackerRank, que oferecem desafios de programação interessantes com vários níveis de dificuldade.

Aprender a programar pode ser uma grande aventura e, além de adquirir novos conhecimentos e garantir ótimas oportunidades, você ainda pode se divertir muito.

Não deixe de nos seguir no Facebook, Instagram, LinkedIn e YouTube!

Posts relacionados

Deixe um comentário